sexta-feira, 1 de abril de 2011

Diz: Corra

Daqui: Diz: Corra

2 comentários:

Daniel Savio disse...

Lembra um rotatória, mas sempre temos de ter algo para nos impulsinar, não é?

Fique com Deus, menina Maya.
Um abraço.

Menina Misteriosa disse...

Dai,
Por mais que a analogia seja diferente, me fez lembrar daqueles buracos que temos na vida, no caminho. A gente se "acostuma" tanto com eles que, ao invés de tampá-los, aprende a pulá-los e nem se dá conta mais de que eles estão ali.
Seria costume ou preguiça?
Beijo

MeninaMisteriosa