quarta-feira, 9 de junho de 2010

Gracias (que 'obrigada' deixa a desejar).

E quantas pessoas têm o privilégio de conhecer e, o mais importante, ter e manter o contato com tantas pessoas maravilhosas? Este post é escrito sob o sentimento de gratidão. Não necessariamente a algo ou alguém específico. Mas à oportunidade de ter momentos epifanicos, sustenidos e sustentados, senão na memória, pelo menos na alma, esse compêndio de coisa maior, que captura aquilo que imensurável e impossível de ser dimensionado pelo raciocínio, se prende a nós pelo mais alto e puro grau de sinestesia. Eu sou uma privilegiada.

Pessoas que se relacionam e se prendem a mim por laços construídos em base sólida, a da troca. Troca de palavras, afetos, sons, músicas e estética. Sim, a estética, aquela marca sutil que separa a poesia de qualquer outra coisa que não seja ela. Que separa a poesia de quaisquer outros textos chinfrins, amontoado de frases desprovidas de percepção.

Estou aqui, perplexa. Como é bom saber e sentir que ‘estamos’ construindo algo. Que esta e toda fase é uma preparação para algo. Que o Nada prepara, muitas vezes, o terreno fértil para que o Tudo germine.

Este post é um agradecimento. Quero pontuar algumas pessoas que me agraciaram esta semana, muito mais que, eles e eu mesma, posso estimar: Ivan, Gustavo, Luís Felipe [bons ventos o traz, que bom], Geisa e Karina. Sou feliz por tê-los em minha vida.

Leituras que contribuíram: Manoel de Barros
Músicas que embalaram: Jonh Mayer, Zeca Baleiro e [a tempo] Chico Pinheiro.


Obs. [não necessária]: Usei o 'sob' e é sob mesmo. Me sinto embaixo, envolvida pela gratidão.

5 comentários:

Ivan disse...

Ahhhh, mas que texto mais lindo, e juro que eu diria isso, mesmo que meu nome não tivesse sido citado. Eu sei bem a sensação dessas epifanias em nossas vidas.

Te amo, Boca.

Beijos.

Ivan.

lu trevejo disse...

Gente foi feita pra intersecção.
Gente só é bom quando se mistura, porque acrescenta, aumenta e fica ainda melhor.
né?

Geisa disse...

Ai! Estou tão emocionada!! Eu sei como é esse sentimento tão bom que invade o coração de gratidão e alegria! Compartilho dele e digo que ao ler o post percebi que os sentimentos de amor e carinho que tenho por você não estão só presos dentro do meu coração... Eles dão uma passeadinha por aí rsrs!

Um big beijo e obrigada por esse momento especial!

Luis Felipe disse...

Assino em baixo.

Esse DESnada me fascina.

Bora continuar significando e INTERagindo!

Abraços

Luis Felipe

Karina disse...

Eu jamais conseguiria definir melhor esse sentimento como você conseguiu, esse gracejo na alma. Também estou perplexa. E também digo "gracias" pelas alegrias tão sutis que colorem o nosso dia a dia. Depois ninguém entende quando eu digo que me divirto no trabalho! rs...

um beijo, Dai. ;*