domingo, 18 de abril de 2010

Desafio da Palavra

É incrível ler a consciência poética que alguns escritores e poetas tinham, viviam pela palavra, aspiravam a palavra, brincavam com elas, a palavra era seu amor e sua paixão.

Drummond, um dos poetas que mais gosta disse o seguinte:

O Lutador

Lutar com palavras
é a luta mais vã.
Entanto lutamos
mal rompe a manhã.
São muitas, eu pouco.
Algumas, tão fortes
como o javali.
Não me julgo louco.
Se o fosse, teria
poder de encantá-las.
Mas lúcido e frio,
apareço e tento
apanhar algumas
para meu sustento
num dia de vida.
Deixam-se enlaçar,
tontas à carícia
e súbito fogem
e não há ameaça
e nem 3 há sevícia
que as traga de novo
ao centro da praça.


Carlos Drummond de Andrade **

E é sobre essa luta que eu falo lá no Meninas Improváveis, clique aqui.


2 comentários:

Daniel Savio disse...

Hah, já tive lá =P

Fique com Deus, menina Maya.
Um abraço.

Mah disse...

AMOOO Drummond!! E depois eu vou dar uma passadinha lá no Meninas Improváveis!
;***